sexta-feira, 9 de dezembro de 2022

Esperança

"Ele disse: 'Em meu desespero clamei ao Senhor, e ele me respondeu' [...]" (Jonas 2:2)

Quando alguém me pede para orar, gosto de incluir as Escrituras como parte de minha oração. Por exemplo, se alguém disser que precisa de oração por sabedoria, vou orar algo como: “Senhor, prometeste nas Escrituras que se alguém necessitar de sabedoria, peça-Te, e Tu a darás generosamente. Então agora, Senhor, oramos por sabedoria.”

Ou talvez alguém esteja lutando contra o medo. Vou orar: “Senhor, prometeste em Filipenses que não devemos nos preocupar com nada, mas devemos orar por tudo. Prometeste que a paz de Deus que excede todo o entendimento humano guardará nossos corações e mentes em Cristo Jesus, nosso Senhor. Nós nos apegamos a essa promessa e oramos por isso agora.” 

Isso é algo que Jonas fez de dentro da barriga do peixe. Ele citou as Escrituras. Não acho que ele tivesse pergaminhos para ler. Mas ele carregava a Palavra de Deus em seu coração. No segundo capítulo de Jonas, vemos que ele citou o Livro de Salmos oito vezes.

Quando cito as Escrituras em minhas orações, não o faço para lembrar a Deus o que Ele disse, mas sim para lembrar aqueles por quem estou orando sobre o que Deus disse. 

Jonas disse: “Quando a minha vida já se apagava, eu me lembrei de ti, Senhor, e a minha oração subiu a ti, ao teu santo templo” (verso 2:7). Jonas começou a perder a esperança. E sua esperança foi restaurada em um relacionamento com Deus.

O mesmo é verdade para nós hoje. 

Então, em quem ou em que você coloca a sua esperança? Não coloque a sua esperança nas pessoas. As pessoas vão lhe decepcionar. Os pais vão lhe decepcionar. Os filhos e os amigos irão lhe decepcionar. Não coloque a sua esperança no dinheiro ou na tecnologia. Eles vão lhe desapontar. 

Não coloque a sua esperança em nenhuma solução humana. Coloque a sua esperança em Jesus Cristo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário