segunda-feira, 28 de novembro de 2022

O Que Jesus Falou Sobre Preocupação

"Portanto, não se preocupem com o amanhã, pois o amanhã se preocupará consigo mesmo. Basta a cada dia o seu próprio mal" (Mateus 6:34)

O grande teólogo Charlie Brown fez esta afirmação sobre a preocupação: "Desenvolvi uma nova filosofia. Eu só temo um dia de cada vez."
 
Agora, deixe-me citar um teólogo real, o falecido Dr. Martyn Lloyd-Jones, que disse: "Se eu permitir que minha preocupação com o futuro me prejudique no presente, sou culpado de preocupação."

Hoje, há tantas coisas acontecendo em nosso mundo que podem nos levar a nos preocupar. Os medos sobre a disseminação do coronavírus podem nos manter acordados à noite. De certa forma, acho que o medo viral sobre isso pode ser pior que o próprio vírus.

Também temos os nossos problemas pessoais. Existem problemas no trabalho, problemas com as nossas famílias, com a nossa saúde.

Como podemos superar o medo e a preocupação? A Bíblia tem algo a dizer sobre isso. O próprio Jesus abordou o tema no sermão no Monte:

"Portanto, não se preocupem, dizendo: 'Que vamos comer?' ou 'que vamos beber?' ou 'que vamos vestir?' Pois os pagãos é que correm atrás dessas coisas; mas o Pai celestial sabe que vocês precisam delas. Busquem, pois, em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua justiça, e todas essas coisas lhes serão acrescentadas." (Mateus 6: 31-33).

Os cristãos não devem se preocupar. Jesus não está dizendo que os cristãos não devam se envolver com as necessidades da vida ou que não devam pensar nelas ou planejar o futuro. A Bíblia nos incentiva a trabalhar duro, para economizar nosso dinheiro e assim por diante. Mas o que Jesus está dizendo é que não devemos nos preocupar com essas coisas.

A preocupação não torna nossas vidas mais longas; apenas nos torna infelizes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário