sexta-feira, 9 de abril de 2021

O Que Está Lhe Prendendo?

"alguém vier a mim, e não aborrecer a seu pai, e mãe, e mulher, e filhos, e irmãos, e irmãs, e ainda também a sua própria vida, não pode ser meu discípulo" (Lucas 14:26)

As pessoas têm sido impedidas de seguir a Jesus por medo do que os outros pensam. Elas não entregaram suas vidas a Cristo, porque estão preocupadas com a opinião de outra pessoa. Talvez seja um namorado ou namorada, talvez um marido ou esposa. Talvez seja um amigo próximo ou um grupo de amigos com quem andem. Talvez sejam até seus pais.

Elas sabem que se entregassem totalmente suas vidas a Cristo perderiam um monte de supostos amigos. Ou seria o fim de um relacionamento. Ou causaria atrito em casa. É isso que as impede.

Mas Jesus disse: "se alguém vier a mim, e não aborrecer a seu pai, e mãe, e mulher, e filhos, e irmãos, e irmãs, e ainda também a sua própria vida, não pode ser meu discípulo" (Lucas 14:26).

Uma afirmação como essa parece chocante, especialmente porque inclui a palavra aborrecer, odiar. Mas ao equilibrarmos isso com outras partes das Escrituras, sabemos claramente que não é esse o caso. Certamente a Bíblia não está nos dizendo para odiar as pessoas. Por que Jesus nos diria para honrar nosso pai e nossa mãe e também exigir que os odiemos? Ou por que Paulo diria aos maridos: “Maridos, amem suas mulheres, assim como Cristo amou a igreja e entregou-se a si mesmo por ela” (Efésios 5:25)?

No contexto, Jesus não estava dizendo que devemos odiar as pessoas. Essencialmente, Ele estava dizendo que devemos amar a Deus muito mais do que a qualquer pessoa ou a qualquer outra coisa que nosso amor por essas pessoas ou coisas pareceria ódio, quando comparado.

Isso faz todo o sentido quando você pensa a respeito. Se você deseja vivera  sua vida cristã ao máximo, ame Jesus mais do que qualquer outra coisa. Você O ama assim?

5 comentários: