segunda-feira, 23 de novembro de 2020

Representantes de Cristo no Mundo

"E daquele dia em diante, resolveram tirar-lhe a vida" (João 11:53)

Quando viajo, muitas vezes as pessoas me perguntam o que faço para viver. Sinceramente, não gosto de dizer de pronto, porque isso pode criar uma barreira para continuar conversando. Algumas pessoas ficam com raiva quando digo que sou pastor. Sou um representante de Deus para elas, então elas descarregam sua raiva em mim. “Deixe-me fazer algumas perguntas”, dizem. Em seguida, elas disparam sua lista: “Por que Deus faz isso?” “Por que Deus não faz aquilo?” "O que você acha disso?" "O que você acha daquilo?" E, infelizmente, não fazem essas perguntas porque querem ouvir as respostas!

Existem pessoas hoje que odeiam Jesus Cristo e tudo o que Ele representa. Elas desprezam Seus ensinamentos. E se você divulga esses ensinamentos ou tenta viver de acordo com eles, você é classificado como um fanático ignorante, insensível e preconceituoso.

Trata-se de uma maneira de dizer: "Se você não acredita no que eu acredito, se você não acredita que podemos fazer as regras à medida que avançamos, se acredita que existem absolutos, certo e errado, bom e mau, então eu não gosto do que você acredita. E eu sou contra você.”

Jesus disse: "Se o mundo os odeia, tenham em mente que antes odiou a mim. Se vocês pertencessem ao mundo, ele os amaria como se fossem dele. Todavia, vocês não são do mundo, mas eu os escolhi, tirando-os do mundo; por isso o mundo os odeia" (João 15:18-19).

Se você seguir Jesus Cristo e Seus ensinamentos e se posicionar por aquilo acredita, as pessoas irão odiá-lo também. Mas Jesus não disse isso para que subamos em um pedestal e nos consideremos superiores aos outros. Jesus não disse isso como que nos dando carta branca para sermos fariseus preconceituosos julgadores da sociedade. 

Não! Jesus disse isso para entendermos a realidade do mundo em que vivemos e para o qual Ele também nos pediu: "Amem os seus inimigos e orem por aqueles que os perseguem, para que vocês venham a ser filhos de seu Pai que está nos céus. Porque ele faz raiar o seu sol sobre maus e bons e derrama chuva sobre justos e injustos." (Mateus 5:44-45)

Amar ao próximo, como Ele nos amou, é ser um representante de Deus. Não tenha vergonha disso. E se você for cristão, também será um representante de Deus. Não queremos ser odiados pelas pessoas, é claro. Mas amar como Ele amou o mundo, isso incomodará as pessoas. 
Se formos apenas preconceituosos e arrogantes, o mundo também nos odiará. Mas, nesse caso, com toda razão!

Um comentário: