quarta-feira, 4 de novembro de 2020

A Decisão Que Cada Um de Nós Tem Que Tomar

"Perguntou Pilatos: 'Que farei então com Jesus, chamado Cristo?' Todos responderam: 'Crucifica-o!'" (Mateus 27:22)

A indecisão é algo que todos experimentamos. O que devo vestir? O que devo fazer em tal situação? Às vezes, a indecisão tem consequências significativas.

Quando está indeciso, você tenta viver em dois mundos. Você tenta apaziguar a todos. Isso é o que Pôncio Pilatos tentou fazer. E em Mateus 27, vemos como a sua indecisão levou a consequências significativas. Ele queria que outras pessoas ficassem satisfeitas com sua decisão. Ele queria que todos se dessem bem. Como resultado, ele não estava disposto a decidir o que era realmente certo.

Pilatos não percebeu o que realmente estava acontecendo. Na verdade, não era Jesus diante de Pilatos; era Pilatos diante de Jesus. Pilatos estava sendo julgado e perdeu uma oportunidade de ouro de acreditar, uma oportunidade de ouro de confiar naquele que veio para morrer por toda a humanidade.

Pilatos teve que decidir por si mesmo e responder a uma pergunta que todos eventualmente deveriam enfrentar: “Que farei então com Jesus?”

Ele ouviu muitas vozes naquele dia. Ele ouviu a voz da multidão dizendo: "Crucifica-o!" Ele ouviu a voz de sua esposa dizendo: "Não se envolva com este inocente." Ele certamente deve ter ouvido a voz de sua própria consciência atestando a inocência de Jesus. E ouviu a voz do próprio Jesus. Infelizmente, Pilatos deu ouvidos à voz errada. Foi uma decisão da qual sem dúvida, se arrependeria pelo resto da vida.

Cada um de nós deve entender o que faremos com Jesus. No entanto, como Pilatos, muitas pessoas permitem que outros pensem por elas. Elas permitem que outros tomem decisões por elas. E no final pagam por tudo. Espero que você não deixe isso acontecer também com você.

5 comentários:

  1. SIM. A DECISÃO É NOSSA !!! AMÉN.
    DEUS VOS ABENÇOE.

    ResponderExcluir
  2. Sou muito indecisa e por isso sofro muito. Essa palavra me ajudou bastante a refletir sobre minhas indecisões ��

    ResponderExcluir
  3. Simmm a decisão tem que ser nossa para não cometer o mesmo erro que pilatos cometeu

    ResponderExcluir
  4. A decisão é nossa de fato, mais as vezes erramos em nossas decisões.
    Que O Senhor nos seja misericordioso.
    Amém.

    ResponderExcluir