sexta-feira, 16 de outubro de 2020

A Última Coisa que Deus Quer que Façamos

"Diga-lhes: 'Juro pela minha vida, palavra do Soberano Senhor, que não tenho prazer na morte dos ímpios, antes tenho prazer em que eles se desviem dos seus caminhos e vivam. Voltem! Voltem-se dos seus maus caminhos! Por que iriam morrer, ó nação de Israel?" (Ezequiel 33:11)

Quando o profeta Jonas muito relutou a ir à cidade de Nínive e anunciar que Deus os julgaria em 40 dias, o rei de Nínive se arrependeu de seus pecados e deu o exemplo a seus comandados. Todos se arrependeram de seus pecados e o julgamento de Deus foi retirado.

Da mesma forma, Deus disse ao povo durante os tempos de Noé que o julgamento estava a caminho, mas se passaram 120 anos antes de isto de fato acontecer.

A Bíblia diz: "Quando os crimes não são castigados logo, o coração do homem se enche de planos para fazer o mal." (Eclesiastes 8:11). Se nós passamos despercebidos por algo, podemos pensar que nunca seremos pegos. Mas uma coisa é certa: pode ser em 10 minutos, horas ou anos - Deus manterá a Sua palavra. Iremos colher o que plantamos.

Deus não tem pressa em nos julgar. Mas ao mesmo tempo, chega o momento em que é batido o martelo e chega a nossa vez. Veja, Deus não quer nos julgar. Ele diz: "não tenho prazer na morte dos ímpios, antes tenho prazer em que eles se desviem dos seus caminhos e vivam." (Ezequiel 33:11). A Bíblia também diz que Deus "é paciente com vocês, não querendo que ninguém pereça, mas que todos cheguem ao arrependimento." (2 Pedro 3:9)

A última coisa que Deus quer é julgar você. A última coisa que Ele quer é ver você indo para o Inferno. A última coisa que Ele quer ver é sua vida sendo desperdiçada e jogada fora. Você foi feito à Sua imagem. Ele se importa com você. E é por isso que Ele enviou o Seu filho para morrer na cruz no seu lugar e no meu.

3 comentários: