sexta-feira, 20 de março de 2020

O Poder de Uma Vida Santa

"Ora, tropas da Síria haviam atacado Israel e levado cativa uma menina, que passou a servir à mulher de Naamã" (2 Reis 5:2)

Em 2 Reis 5 lemos sobre uma jovem israelita, cujo nome não sabemos, que foi sequestrada e levada para a Síria. Seria extremamente fácil para ela ficar injuriada com Deus por isso ter acontecido. E certamente ela poderia se revoltar com as pessoas que a mantinham como escrava.

Então quando o seu mestre Naamã estava sofrendo com lepra, ela poderia ter pensado: que morra. Mas essa não foi a forma como ela se sentiu. Ela estava compadecida por ele. Ela percebeu a oportunidade de falar a Naamã a respeito de um profeta chamado Eliseu que poderia orar por ele. Eliseu era o sucessor de Elias. Deus estava trabalhando através dele e o usando para ressuscitar algumas pessoas. Como Elias, ele tinha o poder de fazer milagres.

A garota de alguma forma ouviu a respeito dele. Então disse para a esposa de Naamã: "Se o meu senhor procurasse o profeta que está em Samaria, ele o curaria da lepra" (2 Reis 5:3).

Isso me lembra de Sadraque, Mesaque e Abede-Nego, jovens israelitas que também foram aprisionados. Eles foram levados para a Babilônia, quando então o rei mudou seus nomes. Mas ele não podia mudar seus corações. Eles andavam próximos a Deus, assim como essa jovem mulher.

Imagine como ela se sentiu quando soube que Deus havia curado Naamã. Imagino se ela já havia pensado que Deus usaria alguém como ela para curar uma pessoa tão significante como Naamã. É algo incrível viver uma vida tão próxima a Deus que, quando você fala com alguém, é ouvido. Essa garota foi ouvida porque era uma grande pessoa e trabalhava duro. Ela ficou muito firme em sua fé, mesmo em terras estrangeiras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário