quarta-feira, 15 de janeiro de 2020

O Bem, Apesar do Mal

"De novo os israelitas fizeram o que o Senhor reprova, e durante sete anos ele os entregou nas mãos dos midianitas." (Juízes 6:1)

Pode Deus usar uma nação não cristã para punir uma nação cristã? A resposta é: sim. Nós nunca deveríamos pensar que não podemos ser derrotados por uma nação não  cristã se continuarmos a dar as costas para Deus, se persistirmos em violar as Suas leis a todo momento e insistirmos a removê-Lo de nossa sociedade de todas as formas. Um capítulo na história de Israel deveria servir de alerta para nós hoje.

No início de Juízes 6, vemos os israelitas vivendo sob o controle dos midianitas. Isso foi o resultado de Deus os ter disciplinando por causa de sua desobediência. Curiosamente, os midianitas foram os primeiros na história a domesticar o camelo, o que lhes deu uma enorme vantagem militar. Imagine ser um soldado especializado em batalha corpo a corpo quando de repente o seu inimigo chega das montanhas montado em camelos. Era com isso que os israelitas tiveram que lidar.

Quando os midianitas invadiam as terras dos israelitas, eles chegavam em seus camelos destruindo as colheitas e devastando as suas terras. Os israelitas estavam em desespero. Então clamaram a Deus por socorro e resgate. O Senhor decidiu responder as suas orações através da pessoa mais inesperada, um homem chamado Gideão.

Muitas vezes na vida, as coisas não vão bem por causa de más decisões que nós mesmos tomamos. Nós desobedecemos a Deus e temos a audácia de culpá-Lo pelo rumo que as coisas tomaram. Isso foi basicamente o que ocorreu com Israel. Eles estavam questionando o por quê das coisas terem se tornado o que se tornaram. Mas, na verdade, foram eles mesmos que causaram aquilo.

A boa notícia é que mesmo quando cometemos erros, Deus pode intervir e trazer redenção. Deus pode trazer o bem mesmo que tenhamos feito o mal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário