terça-feira, 14 de janeiro de 2020

Distante e Abatido

"Sansão desceu a Timna e viu ali uma mulher do povo filisteu." (Juízes 14:1)

Na época em que eu era um cristão novinho em folha, eu tinha a necessidade de compartilhar o evangelho exclusivamente com lindas garotas. Eu pensava: por que conversar com qualquer pessoa? Vou falar com as garotas mais bonitas. Elas precisam do Senhor também. Porém, Deus chamou a minha atenção e eu mudei a minha maneira de pensar.

O problema de se envolver com um não cristão é que, na maioria das vezes, um não cristão vai atrapalhar a vida espiritual de um cristão - e não o contrário. Há exceções, mas geralmente este é o caso. É triste, e esse não é o plano de Deus para um crente.

Vemos isso acontecer na vida de Sansão, a quem Deus criou para ser o líder sobre Israel. Aparentemente, Sansão não se importava muito com o plano de Deus, porque ele se envolveu com uma mulher não cristã. Assim, uma coisa levou à outra, e as coisas ganharam uma péssima proporção. O diabo fisgou o poderoso Sansão com linha, anzol e chumbo.

O problema de Sansão era que ele tinha poder sem pureza e força sem autocontrole. Por vinte anos, Sansão experimentou a vibração da vitória. Nem uma vez ele foi derrotado. Ele deveria ter sido muito grato a Deus por isso. Podemos dizer que Deus deu a Sansão tanta corda que ele acabou se enforcando.

Qualquer passo longe de Deus é sempre um passo para trás. Depois que Deus mandou Jonas ir a Nínive, a Bíblia diz: "Mas Jonas fugiu da presença do Senhor, dirigindo-se para Társis. Desceu à cidade de Jope, onde encontrou um navio que se destinava àquele porto. Depois de pagar a passagem, embarcou para Társis, para fugir do Senhor" (Jonas 1:3).
Quando você está indo para longe de Deus, você está sempre indo para trás, nunca para frente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário