quarta-feira, 27 de novembro de 2019

Parte de Tudo

"Daquela hora em diante, muitos dos seus discípulos voltaram atrás e deixaram de segui-lo." (João 6:66)

Quando Jesus expôs a Seus supostos discípulos o que significava realmente segui-Lo, muitos o abandonaram. Então Jesus se voltou a Pedro e aos outros onze e disse: "Vocês também não querem ir?" (João 6:67).

Pedro respondeu: "Senhor, para quem iremos? Tu tens as palavras de vida eterna" (versículo 68). Eu adorei isso. Pedro queria dizer: "Senhor, não sabemos tudo a Teu respeito. Às vezes não Te entendemos. Mas disto sabemos: vamos ficar Contigo. Fizemos um compromisso Contigo e vamos ficar perto de Ti."

Você se dispõe a dizer isso a Jesus? Está pronto para dizer: "Senhor, quero que Tu estejas comigo aonde quer que eu vá"? Claro, dizemos isso a Ele quando embarcamos num avião: "Senhor, abençoe os pilotos. Ajude o avião a funcionar bem. Leve-me a meu destino em segurança." Nada de errado em orar assim. Nem em orar quando se vai para a mesa de cirurgia: "Senhor, esteja comigo agora. Guie a mão dos médicos. Permita que a operação vá bem."

Nós nos animamos a orar quando entramos numa situação incerta ou em águas agitadas. Mas estamos preparados para dizer: "Senhor, venha conosco em nossas férias", "Senhor, venha conosco quando sairmos à noite", "Senhor, venha conosco a essa festa", "Senhor, venha conosco ao cinema"?

Lembre-se, Jesus está com os olhos em você. Ele está olhando para você. E devemos ser capazes de convidá-lo aonde formos — às águas agitadas e aos tempos de crise, assim como às horas de lazer. Devemos convidar Jesus a ser parte de tudo o que fizermos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário