segunda-feira, 1 de julho de 2019

Sobre o Amor

"Esta é a minha oração: que o amor de vocês aumente cada vez mais em conhecimento e em toda a percepção" (Filipenses 1:9)

Aí vai algo importante sobre o amor: você não deve sentar e esperar pelo amor sentimento. Não espere sentir o amor. Apenas comece a fazer coisas amorosas.

Em 1 Coríntios 13:4-5, quando Paulo deu a definição clássica de amor, ele não estava falando tanto sobre o que é o amor, mas sim sobre o que o amor faz: "o amor é paciente, o amor é bondoso. Não inveja, não se vangloria, não se orgulha. Não maltrata, não procura os seus interesses, não se ira facilmente, não guarda rancor."

Algumas pessoas guardam magoas e rancores do passado. Elas se lembram de coisas que foram ditas há vinte anos. Mas elas precisam deixar isso no passado. Tá na hora de perdoarem.

Uma das coisas que Paulo orou pelos crentes filipenses foi que o amor deles continuasse a crescer. Como cita o versículo 1:9 "que o amor de vocês aumente cada vez mais em conhecimento e em toda a percepção." Paulo não estava falando aqui de um amor sentimental. E sim de um amor baseado no conhecimento da palavra de Deus.

Jesus disse: "com isso todos saberão que vocês são meus discípulos, se vocês se amarem uns aos outros". (João 13:35).

Em 1 João 4:20 lemos "se alguém afirmar: 'Eu amo a Deus', mas odiar o seu irmão, é mentiroso, pois quem não ama o seu irmão, a quem vê, não pode amar a Deus, a quem não vê."

Então não fale sobre o quanto você ama a Deus se você odeia outra pessoa. Isso não é aceitável. Se você for um verdadeiro seguidor de Jesus, a sua vida será caracterizada pelo amor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário