sexta-feira, 17 de agosto de 2018

A Sua Presença Amorosa

"Quando você atravessar as águas, eu estarei com você; e, quando você atravessar os rios, eles não o encobrirão. Quando você andar através do fogo, você não se queimará; as chamas não o deixarão em brasas. Pois eu sou o Senhor, o seu Deus, o Santo de Israel, o seu Salvador [...]" (Isaías 43:2-3)

Você já se sentiu como se todos tivessem lhe decepcionado? Você já se sentiu abandonado, esquecido ou desamparado?

Paulo, o apóstolo, sentiu-se assim. Preso em Jerusalém, Paulo deve ter se sentido desencorajado, pelo que lemos em Atos 23:11, "Na noite seguinte o Senhor, pondo-se ao lado dele, disse: 'Coragem!' [...]". Deus o lembrou que ele não estava sozinho.

O grande pregador britânico C. H. Spurgeon colocou desta forma:
Se tudo mais o abandonasse, Jesus era companhia suficiente; se todos o desprezassem, o sorriso de Jesus era apoio suficiente; se a boa causa parecia em perigo, na presença do Seu Mestre, a vitória era certa. O Senhor que tinha ficado por ele na cruz, agora estava ao lado dele na prisão... Era uma masmorra, mas o Senhor estava lá; estava escuro, mas a glória do Senhor iluminou-a com o esplendor do próprio Céu.

Isso se resume a: Eu preferiria estar em uma prisão, em uma tempestade ou em dificuldades com Jesus do que em qualquer outro lugar sem Ele. Melhor ainda: eu preferiria estar em um lugar agradável e feliz com Jesus - isso também é bom. E o negócio é o seguinte: Ele está conosco aonde quer que andemos. É isso que o Senhor estava dizendo a Paulo: "Você não está sozinho".

Deus diz: "Quando você atravessar as águas, eu estarei com você; e, quando você atravessar os rios, eles não o encobrirão. [...] Pois eu sou o Senhor, o seu Deus, o Santo de Israel, o seu Salvador [...]" (Isaías 43:2–3).

Ele está conosco nos bons momentos e também nos maus. E como alguém sabiamente disse: "Ele pode compensar Sua presença amorosa por toda perda terrena".

Nenhum comentário:

Postar um comentário