sexta-feira, 13 de abril de 2018

Impossível Enganar a Deus

"Se afirmarmos que estamos sem pecado, enganamo-nos a nós mesmos, e a verdade não está em nós" (1 João 1:8)

Considero que a palavra "hipócrita" seja frequentemente mal empregada. Por exemplo, se você estiver martelando algo e, de repente, sem querer acertar a unha do dedão, você pode gritar um palavrão que não deveria. E se um não-cristão te ouvir, ele pode chamá-lo de hipócrita. Mas você é realmente um hipócrita?

Acho que não. Acho que você é humano.

Não estou desculpando o pecado. Estou apenas explicando-o. Somos todos pecadores. E os cristãos ainda pecam, infelizmente. A Bíblia diz: "Se afirmarmos que estamos sem pecado, enganamo-nos a nós mesmos, e a verdade não está em nós. Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para perdoar os nossos pecados e nos purificar de toda injustiça." (1 João 1:8-9).

É apenas uma questão de tempo até falharmos de alguma maneira. Diremos a coisa errada. Não faremos a coisa certa. Mas isso não nos torna hipócritas. Isso só nos torna falhos.

Um hipócrita é diferente. Originalmente, a palavra "hipócrita" significava simplesmente "ator". Nos dramas da Grécia antiga, um ator segurava uma máscara na frente do rosto enquanto retratava um personagem. Quando a máscara estava na frente de seu rosto, ele era o hipócrita. Não era uma palavra negativa.

Chamar alguém de hipócrita hoje, no entanto, é uma crítica - até um insulto.

Judas era um hipócrita. Ele fingiu ser algo que não era. Somos hipócritas quando agimos como se fôssemos cristãos e não somos. Podemos até enganar algumas pessoas continuamente, mas jamais vamos enganar a Deus, sequer por um instante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário