terça-feira, 13 de março de 2018

Em Suas Mãos

"E eles o venceram pelo sangue do Cordeiro e pela palavra do seu testemunho; e não amaram as suas vidas até à morte." (Apocalipse 12:11)

Quão importante é para nós sabermos que nossas vidas pertencem a Deus. Deus decide o dia do nosso nascimento e o dia da nossa morte. Mas temos responsabilidade sobre o que acontece entre esses dois momentos.

Em Apocalipse 12:11, lemos sobre os santos durante a Tribulação, que "venceram pelo sangue do Cordeiro e pela palavra do seu testemunho; e não amaram as suas vidas até à morte." 

Eles não amaram as suas vidas até a morte. Esses crentes sabiam que suas vidas pertenciam a Deus. Eles sabiam que, como seguidores de Jesus durante o período da Tribulação, poderiam perder a vida. Eles também sabiam que seus tempos estavam nas mãos de Deus. Assim, eles falaram por sua fé em Cristo e, quaisquer que fossem as consequências, eles estavam prontos para enfrentá-las.

Uma história é contada a partir das páginas da história cristã sobre um crente que foi levado diante de um dos Césares. Foi-lhe dito para renunciar a sua fé e dar glória a César. O homem recusava.

Então o imperador disse-lhe: "Desista de Cristo, ou eu vou bani-lo".

O cristão disse: "Você não pode me banir de Cristo, porque Deus diz: 'Eu nunca vou deixá-lo e nem abandoná-lo'." 

O imperador disse: "Vou confiscar a sua propriedade".

O cristão respondeu: "Meus tesouros estão escondidos no céu. Você não pode tocá-los."

O imperador disse: "Eu vou matar você".

O cristão respondeu: "Estive morto neste mundo em Cristo por 40 anos. Minha vida está escondida com Cristo em Deus. Você não pode tocá-la."

O imperador voltou-se para alguns dos membros de sua corte e disse, com total desgosto: "O que você pode fazer com um fanático destes?"

Que Deus nos dê mais cristãos como este.

Nenhum comentário:

Postar um comentário