segunda-feira, 12 de fevereiro de 2018

E Se...

"Ele respondeu: 'Uma geração perversa e adúltera pede um sinal miraculoso! Mas nenhum sinal lhe será dado, exceto o sinal do profeta Jonas.'" (Mateus 12:39)

Você alguma vez já pensou: "se alguém ressuscitasse dos mortos, sei que as pessoas acreditariam"? Ou: "se eu pudesse fazer um milagre para os meus amigos, sei que eles acreditariam"?

Lembre-se da história do homem rico e do mendigo chamado Lázaro. Ambos morreram e entraram na eternidade. O homem rico não tinha lugar para Deus, mas Lázaro era um crente. Naquele tempo, antes da morte e ressurreição de Jesus, Hades era dividida num lugar de conforto e em outro de tormento. Lázaro foi ao lugar de conforto no coração e seio de Abraão. O homem rico não crente foi ao lugar do tormento.

O homem rico chamou Abraão, querendo voltar e advertir a sua família sobre o lugar horrível em que ele estava. Mas Abraão disse-lhe: "Eles têm Moisés e os Profetas; que os ouçam" (Lucas 16:29).

Mas o homem rico persistiu. Ele pensou que se alguém se levantasse dos mortos, eles certamente acreditariam.

Eis o que Abraão lhe disse: "Se não ouvem a Moisés e aos Profetas, tampouco se deixarão convencer, ainda que ressuscite alguém dentre os mortos" (versículo 31).

Talvez, como o homem rico, você pense que, se os seus amigos e familiares apenas pudessem testemunhar um milagre, eles acreditariam.

Jesus disse: "Uma geração perversa e adúltera pede um sinal miraculoso! Mas nenhum sinal lhe será dado, exceto o sinal do profeta Jonas. Pois assim como Jonas esteve três dias e três noites no ventre de um grande peixe, assim o Filho do homem ficará três dias e três noites no coração da terra" (Mateus 12:39-40). Jesus estava dizendo: "Você quer um sinal para um mundo descrente? Aqui está: Minha morte e ressurreição dentre os mortos."

Aqui está a nossa mensagem para a humanidade perdida: Cristo morreu. Ele ressuscitou. Ele pode perdoar o seu pecado. Essa é a mensagem que temos para compartilhar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário