segunda-feira, 20 de novembro de 2017

Tudo Pelo Evangelho

"Mas eu lhes digo: Amem os seus inimigos e orem por aqueles que os perseguem." (Mateus 5:44)

Mesmo na igreja ou em outros ambientes cristãos, podemos não ter um boa relação com alguém. Incluindo outros cristãos. Podemos "ficar de mal" com tal pessoa ou afastarmo-nos dela. Acabamos nos apegando a pequenas coisas, coisas secundárias muitas vezes, e começamos a trazer divisão para esses ambientes.

Tenho visto pessoas criticarem quem eu escolho para se envolver nos eventos de evangelização que promovemos nos Estados Unidos. Elas dizem: "Por que você deixou aquela igreja vir? Se ela vier, a nossa igreja não vai participar." Ou então: "Por que você deixou aquele pastor orar no evento? Eu não concordo com ele, porque em um dos seus livros, ele citou alguém que tomou café com aquele outro, e por causa disso ele também é culpado de tal coisa. Não quero isso."

Mas eu direi: "Olhe para as áreas essenciais nas quais estamos de acordo, e podemos nos dar bem um com o outro - mesmo que existam pequenas diferenças - por causa do Evangelho de Cristo. Isso é tudo o que tenho tentado fazer."

Se as pessoas continuarem se apegando a essas pequenas coisas, é isso que vai acontecer: mais divisão e distância. Mas eu irei continuar o que faço, pregando o Evangelho e tentando trazer o máximo de pessoas junto comigo. E quero estar junto com todas as outras pessoas que também fizerem isso.

Esse é o ponto: Às vezes há pessoas para as quais não queremos pregar o Evangelho, porque se formos honestos, não as queremos próximas de Cristo. Mas a Bíblia diz para amarmos os nossos inimigos (veja Mateus 5:44).

Então a minha sugestão é: Vá até elas. Leve a mensagem do Evangelho para as pessoas que lhe ofenderam e feriram.
Link para o texto original

Nenhum comentário:

Postar um comentário