quarta-feira, 6 de setembro de 2017

Armazenadas no Céu

"Ao recebê-lo, os quatro seres viventes e os vinte e quatro anciãos prostraram-se diante do Cordeiro. Cada um deles tinha uma harpa e taças de ouro cheias de incenso, que são as orações dos santos" (Apocalipse 5:8)

Há momentos em que a vida simplesmente não nos parece justa. Nada faz sentido e nos perguntamos por que Deus não responde às nossas orações.

Mas Ele irá responder a sua oração - em Seu tempo, em Sua glória e da Sua maneira.

Apocalipse 5:8 nos dá um detalhe interessante sobre o Céu: "Ao recebê-lo, os quatro seres viventes e os vinte e quatro anciãos prostraram-se diante do Cordeiro. Cada um deles tinha uma harpa e taças de ouro cheias de incenso, que são as orações dos santos". Quando estivermos no Céu, em frente ao trono de Deus, e quando aquelas taças de ouro, cheias de orações, forem trazidas à nossa presença, vamos perceber que Deus ouviu cada uma das pequenas orações que fizemos. E penso que iremos também entender que Sua resposta foi muito melhor que aquilo que pedimos naquela ocasião.

Iremos perceber que Deus anulou alguns dos nossos pedidos, porque simplesmente não era o melhor para nós. O que não entendemos hoje é que essa dificuldade, tragédia ou evento inexplicável irá, no fim, direcionar a algum outro evento, que irá tocar alguma outra pessoa, e que irá afetar positivamente a sua situação.

É como uma enorme reação em cadeia, que irá produzir isso, isso e aquilo, tudo para a glória de Deus. Então aquela coisa que você queria não deu certo, aquela circunstância teve de ocorrer para produzir outras coisas e, no fim, você irá glorificar a Deus. Enquanto isso tudo acontece, temos que confiar em Deus, sabendo que tudo será revelado no Céu quando estivermos perante o Senhor.

Algumas orações são respondidas muito rapidamente. Outras são armazenadas no céu para uma resposta que ainda está por vir.

Deus não apenas mantém as nossas lágrimas em um odre (veja Salmo 56:8) como também mantém as nossas orações em um pote. Deus nunca as descarta. Ele as guarda para nós.

Nenhum comentário:

Postar um comentário