sexta-feira, 18 de agosto de 2017

Uma Sociedade Sem Cristo

"Agora, eu os entrego a Deus e à palavra da sua graça, que pode edificá-los e dar-lhes herança entre todos os que são santificados." (Atos 20:32)

Penso que nossa sociedade de hoje pode ser descrita como "Cultura TEC": Tudo, Exceto Cristo. Não era diferente de Éfeso antigamente, que acreditava basicamente em toda e qualquer coisa. As pessoas vinham a Éfeso de várias partes do mundo para seguir falsas pregações que não levavam a lugar algum.

Quando Paulo se encontrou com os anciãos de Éfeso pela última vez, ele os advertiu para serem vigilantes. Ele disse: "Cuidem de vocês mesmos e de todo o rebanho sobre o qual o Espírito Santo os colocou como bispos, para pastorearem a igreja de Deus, que ele comprou com o seu próprio sangue. Sei que, depois da minha partida, lobos ferozes penetrarão no meio de vocês e não pouparão o rebanho. E dentre vocês mesmos se levantarão homens que torcerão a verdade, a fim de atrair os discípulos. Por isso, vigiem! Lembrem-se de que durante três anos jamais cessei de advertir a cada um de vocês disso, noite e dia, com lágrimas." (Atos 20:28-31).

Paulo estava dizendo: "Temos que ser vigilantes. Temos que estar alertas, porque a única forma de afastar as trevas é deixar a radiante luz do Evangelho brilhar."

É incrível que, mais de 2000 anos após Paulo levar o Evangelho aos efésios, as coisas não tenham mudado muito. As pessoas ainda acreditam em falsos deuses, ainda colocam todas as coisas no lugar do verdadeiro Deus vivo, e querem achar um modelo de adoração que possa acomodar o estilo de vida que escolheram.

Mas, como Cristãos, não podemos baixar a guarda. Somos os vigias. Somos os guardiões da mensagem. Somos as testemunhas. E precisamos levar a mensagem do evangelho à nossa cultura, porque é a única coisa que pode mudá-la.

Por causa da pregação de Paulo, Éfeso virou de cabeça pra baixo. Mas, uma vez que as pessoas de lá se esqueceram de sua pregação, hoje a cidade está em ruínas.

Tem sido dito que aqueles que não se lembram do passado estão condenados a repeti-lo. Por isso, vamos lembrar de levar o Evangelho à nossa sociedade de hoje.
Link para o texto original

Nenhum comentário:

Postar um comentário