segunda-feira, 10 de julho de 2017

Oração em Forma da Canção

"Que o exaltem na assembléia do povo e o louvem na reunião dos líderes." (Salmo 107:32)

Posso dar-lhe uma boa razão para nunca se atrasar para um culto: você perde a parte em que Deus é glorificado. O louvor não é só um aquecimento: é de fato oração posta em música. Louvar ajuda a preparar nossos corações para receber a palavra de Deus.

O louvor também pode ser uma poderosa testemunha. Acho que quando um descrente vai a um ambiente onde os cristãos estão honestamente encontrando a Deus, o louvor é um testemunho, pois não há nada assim no mundo. Quando louvamos ao Senhor, isso impressiona os incrédulos.

Na verdade, o louvor foi uma das coisas que me atraiu para o pequeno estudo bíblico em que acabei entregando a minha vida a Cristo. Havia uma menina bonita que eu estava procurando quando fui ao estudo. Mas quando a encontrei, ela estava sentada no gramado na frente da faculdade com seus amigos cristãos. Eu me sentei e fiquei espantado com a música deles. Eram coraizinhos simples naquela época.

Antes disso, eu já gostava muito de música. Eu me considerava um entendido. Gostava dos Beatles, de Led Zeppelin, de Jimi Hendrix e do The Doors. Mas quando ouvi aquelas canções simples de louvor no estudo bíblico, eu me comovi profundamente. E a razão pela qual eu me comovi não foi que elas fossem ótimas canções em termos musicais, mas porque aquelas pessoas estavam encontrando a Deus. E eu nunca tinha visto nada assim.

Então, quando os incrédulos vem à igreja, não observam só o que está acontecendo lá na frente. Observam o que acontece em volta. E você sempre causa alguma impressão neles: boa ou ruim.

Seu louvor traz glória a Deus. E pode ser um poderoso testemunho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário