quinta-feira, 15 de junho de 2017

O Local da Justiça Cósmica

"Pois os nossos sofrimentos leves e momentâneos estão produzindo para nós uma glória eterna que pesa mais do que todos eles. Assim, fixamos os olhos, não naquilo que se vê, mas no que não se vê, pois o que se vê é transitório, mas o que não se vê é eterno." (2 Coríntios 4:17-18)

Todos sabemos que a vida não é justa, que ela é cheia de desigualdades e injustiças. Claro, algumas vezes o bem é recompensado e o mal é punido. Mas com muita frequência acontece o contrário. Vemos pessoas boas sofrerem e pessoas más terem sucesso.

Embora seja verdade que a vida não é justa, também é verdade que Deus é bom. Ele é justo e santo, e ama todos nós. E um dia, na eternidade, Deus corrigirá todos os males. Todas aquelas perguntas sem resposta serão respondidas. As coisas injustas da vida serão resolvidas. A dor será substituída pelo conforto. Lágrimas serão substituídas por alegria e riso. O céu é onde as perdas são mais do que compensadas.

Saber disso nos dá uma perspectiva melhor das lutas em nossa vida. O apóstolo Paulo nos lembra: "Pois os nossos sofrimentos leves e momentâneos estão produzindo para nós uma glória eterna que pesa mais do que todos eles. Assim, fixamos os olhos, não naquilo que se vê, mas no que não se vê, pois o que se vê é transitório, mas o que não se vê é eterno" (2 Coríntios 4:17-18).

Deus tem outros tempos e lugares onde nossos sonhos e esperanças podem se realizar. Vemos as coisas de certo modo aqui na terra, mas isso pode mudar da noite para o dia. Isso pode mudar numa fração de segundos quando entrarmos na eternidade.

Como Dinesh D'Souza disse: "O céu é o local da justiça cósmica. É onde os servos fiéis do Senhor que chegaram por último recebem seu devido prêmio e recompensa".

Tudo será arrumado no lado de lá.

Nenhum comentário:

Postar um comentário