sexta-feira, 26 de maio de 2017

Você Pode Perguntar Por Quê

"Não andem ansiosos por coisa alguma, mas em tudo, pela oração e súplicas, e com ação de graças, apresentem seus pedidos a Deus." (Filipenses 4:6

Qual é a coisa perfeita a fazer quando chega a crise, quando você está em apuros? Deixe a situação nas mãos de Jesus.

Quando os israelitas estavam se voltando contra Moisés, lemos em Êxodo 15:25 que ele "clamou ao Senhor". Quando você for criticado injustamente, leve isso ao Senhor.

Quando Ezequias recebeu uma carta ameaçadora, lemos que ele a estendeu diante do Senhor (ver 2 Reis 19:14).

Quando João Batista foi decapitado, Mateus 14:12 diz que os discípulos foram e contaram a Jesus.

Então é isso que precisamos fazer quando um problema aparecer. Precisamos ir e contar a Jesus.

É o que Maria e Marta fizeram quando seu irmão Lázaro estava doente. Poderiam ter dito: "Senhor, tu nos deves, tu e os teus amigos ficaram em nossa casa". Mas não o fizeram. Elas simplesmente disseram: "Senhor, aquele a quem amas está doente" (João 11:3). Elas não basearam seu apelo em seu amor por Deus, mas em Seu amor por elas.

É isso que precisamos fazer. E, a propósito, tudo bem perguntarmos a Deus os por quês. Não devemos é esperar obter sempre uma resposta. Mas, podemos perguntar.
Você acha que Deus não vê o seu coração quando você ora?
Portanto, seja honesto com Ele. Você pode dizer coisas como: "Deus, não estou feliz agora, não entendo isso, estou sofrendo, isso não faz sentido."
É bom dizer essas coisas.

O próprio Jesus disse da cruz: "Meu Deus, meu Deus, por que me abandonaste?" (Mateus 27:46). Isso era blasfêmia? Não. Ele estava chamando seu Pai. E precisamos fazer o mesmo.

Assim, no meio da angústia, não se afastem de Deus e de seus amigos cristãos. Vá ao Senhor e clame a Ele. Você pode sim, perguntar os por quês.

Nenhum comentário:

Postar um comentário