terça-feira, 2 de maio de 2017

Persistindo

"Irmãos, não penso que eu mesmo já o tenha alcançado, mas uma coisa faço: esquecendo-me das coisas que ficaram para trás e avançando para as que estão adiante, prossigo para o alvo, a fim de ganhar o prêmio do chamado celestial de Deus em Cristo Jesus." (Filipenses 3:13-14)

Algumas pessoas dizem que não querem ir à igreja porque a igreja está cheia de hipócritas. Elas identificam qualquer cristão que peca como sendo um hipócrita. Se você faz ou diz qualquer coisa que não corresponde à sua fé como um seguidor de Jesus, você é imediatamente rotulado dessa forma.

Mas só porque você acredita em algo e nem sempre faz jus a isso, não significa que seja um hipócrita. Significa que você é humano. Ninguém atende o tempo todo os altos padrões de Deus. Todos ficamos aquém da Sua glória em repetidas vezes. Somos pessoas imperfeitas servindo a um Deus perfeito.

Mesmo o grande apóstolo Paulo admitiu esta luta: "Não entendo o que faço. Pois não faço o que desejo, mas o que odeio. E, se faço o que não desejo, admito que a lei é boa. Neste caso, não sou mais eu quem o faz, mas o pecado que habita em mim." (Romanos 7:15-17).

Essa não era a experiência cotidiana de Paulo, mas era uma admissão sincera. E isso não deve ser usado como uma justificativa para dizer que sempre lutaremos dessa forma e, portanto, não devemos nem nos dar ao trabalho de tentar. Paulo também escreveu: "Não que eu já tenha obtido tudo isso ou tenha sido aperfeiçoado, mas prossigo para alcançá-lo, pois para isso também fui alcançado por Cristo Jesus." (Filipenses 3:12).

Quanto mais você avança na vida cristã, mais vai perceber que precisa ir adiante. Essa é a marca de um crescimento cristão genuíno.

Nenhum comentário:

Postar um comentário