terça-feira, 4 de abril de 2017

Um Princípio Para o Evangelismo

"Mas Deus o ressuscitou dos mortos, rompendo os laços da morte, porque era impossível que a morte o retivesse." (Atos 2:24)

O sermão inaugural de Pedro para a igreja, no Pentecostes, é um modelo clássico de como podemos trazer o evangelho para nossa sociedade atual. Essa mensagem não possui uma “vida útil”. Ainda tem relação conosco e faz sentido para todos nós nos dias de hoje.

Uma das coisas que fez a mensagem tornar-se efetiva foi que Pedro conhecia a sua audiência. Ele sabia que na multidão para a qual ele se dirigia, em Jerusalém, havia provavelmente pessoas que foram responsáveis, literalmente, pela crucificação de Jesus Cristo. Havia se passado somente alguns meses desde a crucificação e Pedro, sendo uma testemunha, muito provavelmente até reconhecesse algumas daquelas pessoas.

A mensagem de Pedro está cheia de passagens do Antigo Testamento, porque o seu objetivo era convencer que Jesus Cristo era o Messias por quem Israel aguardava tanto tempo. Essas pessoas conheciam as Escrituras. Elas cresceram estudando a Torah (as Escrituras). Então ele fez referências ao Antigo Testamento diversas vezes, mostrando que Jesus é o Messias.

Paulo, por outro lado, não tem a mesma forma de abordagem na sua mensagem para os Atenienses (ver Atos 17). Nessa ocasião ele falava com pessoas do mundo (seculares), provavelmente de forma mais próxima do que falamos com a nossa sociedade atual. Paulo utilizou uma abordagem bem diferente e utilizou citações de alguns dos filósofos seculares para construir uma ponte com a sua audiência. 

Isso nos lembra que não existe uma única abordagem para o evangelismo. Algumas pessoas compartilham a Palavra de forma engessada, falando as mesmas coisas para todas as pessoas. Mas essa não é a forma de compartilhar a fé. É preciso adaptar de acordo com a pessoa com a qual conversamos.

Pedro adaptou para a sua audiência. Ele tomou tempo para compreende-la. De toda forma, ele não baixou os seus padrões para alcançar o seu propósito. Ele encontrou pontos em comum com os seus ouvintes com o objetivo de leva-los até Jesus Cristo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário