sexta-feira, 17 de março de 2017

Redescobrindo a Igreja

"Se alguém fala, faça-o como quem transmite a palavra de Deus. Se alguém serve, faça-o com a força que Deus provê, de forma que em todas as coisas Deus seja glorificado mediante Jesus Cristo, a quem sejam a glória e o poder para todo o sempre. Amém." (1 Pedro 4:11)

Estamos vivendo em uma época em que algumas pessoas dizem que precisamos de uma nova visão da igreja ou precisamos reinventar a igreja. Mas eu discordo. Acho que precisamos redescobrir a igreja. Não acho que precisamos de uma nova versão dela, mas sim voltar à versão original que Jesus estabeleceu. 

A igreja original é a que mudou o mundo. Foi a igreja que virou o mundo de cabeça para baixo. Não sei se podemos dizer o mesmo sobre a igreja de hoje. Parece-me que o mundo de hoje é que está virando a igreja de cabeça para baixo. 

Acho que a resposta é chegar o mais perto possível da fundação original e do modelo de igreja que Jesus estabeleceu. Este é o projeto original de Deus para a igreja. 

Meu objetivo como um pastor experiente não é ter uma igreja grande. É ter uma igreja forte, ou, melhor ainda, uma igreja bíblica. Dito isto, é preciso haver crescimento da igreja e acho que o melhor tipo de crescimento se dá pela adição de novos cristãos.

Uma tendência em muitas igrejas hoje é a de ser relevante para a sociedade. Sou a favor disso, mas não acredito em relevância às custas da reverência. Ainda é preciso ser uma igreja conforme o significado original. Quando falo na igreja, não estou lá para entreter ou para dar a minha filosofia pessoal ou opiniões políticas. Estou lá para ensinar a Palavra de Deus e para chamar pessoas para Jesus Cristo.

Acho que, às vezes, estamos nos esforçando tanto para ser legais, que nos esquecemos de ser bíblicos. Vamos manter intacta a integridade da nossa mensagem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário