segunda-feira, 27 de março de 2017

Poder Para Mudar o Seu Mundo

"Pedro respondeu: 'Arrependam-se, e cada um de vocês seja batizado em nome de Jesus Cristo, para perdão dos seus pecados, e receberão o dom do Espírito Santo. Pois a promessa é para vocês, para os seus filhos e para todos os que estão longe, para todos quantos o Senhor, o nosso Deus chamar.'" (Atos 2:38-39)

Do ponto de vista humano, não tinha como os discípulos estarem prontos para a tarefa de ser as testemunhas de Jesus no mundo. Sua fé era fraca. Haviam falhado em seu testemunho público e em sua fé privada. Simão Pedro, seu líder reconhecido, negou abertamente o Senhor. Como eles poderiam sair e mudar o mundo?

Como? Pelo poder que eles ainda não tinham, mas logo teriam. Jesus lhes disse: "Mas receberão poder quando o Espírito Santo descer sobre vocês, e serão minhas testemunhas em Jerusalém, em toda a Judéia e Samaria, e até os confins da terra" (Atos 1:8). Em outras palavras: "Aqui está como você vai fazer isso: com poder - poder que eu lhe darei... poder para falar e compartilhar sua fé... poder para deixar seu mundo de cabeça para baixo.

A palavra que Jesus usou para "poder" (ou virtude) vem da palavra grega dunamis. Esta palavra entrou em nossa língua quando Alfred Nobel fez a descoberta que se tornaria sua fortuna. Nobel descobriu um poder que era mais forte do que qualquer coisa que o mundo havia conhecido até aquele momento. Ele perguntou a um amigo, um estudioso grego, qual era a palavra para o poder explosivo na língua grega. A palavra era dunamis, que conhecemos como "dinamite".

Este dispositivo explosivo que Nobel criou é realmente uma metáfora para o tipo de poder que Jesus estava falando aos discípulos. E como disse Pedro: "Pois a promessa é para vocês, para os seus filhos e para todos os que estão longe, para todos quantos o Senhor, o nosso Deus chamar" (Atos 2:39). O poder que foi dado aos crentes do primeiro século está disponível para nós hoje: o poder do Espírito Santo.
Link para o texto original

Nenhum comentário:

Postar um comentário