quinta-feira, 30 de março de 2017

O Formato Original da Igreja

“Contudo, não os achando, arrastaram Jasom e alguns outros irmãos para diante dos oficiais da cidade, gritando: 'Esses homens que têm causado alvoroço por todo o mundo, agora chegaram aqui'” (Atos 17:6)

Acredito que a igreja exista por três razões: exaltação, edificação e evangelização. Ou, para colocar uma forma mais simples, o foco da igreja deve ser para cima, para dentro e para fora.

A igreja existe primeiramente para glorificar a Deus. O Senhor precisa ser glorificado. Precisamos ter uma visão superior de Deus em tudo o que falamos e fazemos. A exaltação de Deus deve ser o foco do estudo da Bíblia, o foco da nossa adoração e o foco do “por que estamos aqui”.

A segunda razão de existência da igreja é a edificação dos que creem, ou seja: edificar um ao outro, encorajar um ao outro.

E o crescimento “para fora” é a terceira razão para a igreja existir: para evangelizar o mundo. O apóstolo Paulo nos lembra que seu propósito foi conhecer Cristo e o poder da Sua ressurreição. (veja Filipenses 3:10-11)

O livro de Atos contém a forma original da igreja, a marca que o próprio Jesus nos deu. Esta é a igreja que mudou o mundo através da oração e da pregação. Tudo aconteceu no Pentecostes, quando o Espírito Santo foi derramado sobre a igreja.

Eram pessoas normais, chamadas por Deus para fazer coisas anormais. E foi o começo de um movimento que continua até os dias de hoje. A igreja primitiva impactou o mundo com o poder do Espirito Santo e esse mesmo poder está disponível para nós hoje.

O livro de Atos é um livro “inacabado”. Ele continua sendo escrito. Não estou sugerindo que devem ser inseridos novos capítulos na Bíblia. Estou dizendo que os registros dos Atos incluem tudo o que Deus começou através da igreja. E os seus capítulos continuam sendo escritos ainda hoje.

Nenhum comentário:

Postar um comentário