terça-feira, 7 de junho de 2016

Uma Influência Positiva

"Assim brilhe a luz de vocês diante dos homens, para que vejam as suas boas obras e glorifiquem ao Pai de vocês, que está nos céus." (Mateus 5:16)

Quando eu estava na escola primária, tínhamos uma brincadeira em que encostávamos em alguém e dizíamos: "você está com vermes!". Claro, tínhamos como nos defender, então quando alguém nos tocava era só dizer: "Eu não, não tenho vermes". Então tínhamos que mostrar nossas mãos, mostrando que nelas estava escrito P.V., "proteção contra vermes".

Acho que às vezes cristãos agem assim com não cristãos. Parecem evitar todo tipo de contato com eles. Posso entender a questão de não se deixar influenciar de uma forma ruim, mas que tal influenciar os outros de um bom modo?

Jesus disse que, como cristãos, devemos ser sal e luz. Na época de Jesus, sal era usado para conservar alimentos. Era passado na carne para impedir o processo de apodrecimento. Então, como sal, os Cristãos devem agir para que as pessoas não sejam corrompidas. Mas outra coisa que o sal faz é estimular a sede. Então devemos frear o avanço do mal e estimular nos outros a sede por Deus.

Além de ser sal, cristãos também devem ser luz, o que significa que devemos proclamar o Evangelho e fazer boas obras. Jesus disse: "Assim brilhe a luz de vocês diante dos homens, para que vejam as suas boas obras e glorifiquem ao Pai de vocês, que está nos céus". (Mateus 5:16).

Somos chamados para ser sal e luz - ou seja, viver uma vida santa. É trabalho de Deus identificar os falsos cristãos, determinar o que é verdadeiro e o que não é.

Deus nos plantou como cristãos neste mundo. Ele colocou o Seu povo na cultura do mundo para o influenciar, para fazer a diferença. Deus não nos chama para nos isolarmos, mas para nos infiltrarmos.
Link para o texto original

Nenhum comentário:

Postar um comentário