segunda-feira, 2 de novembro de 2015

O Porco Pródigo

"Teria sido melhor que não tivessem conhecido o caminho da justiça, do que, depois de o terem conhecido, voltarem as costas para o santo mandamento que lhes foi transmitido." (2 Pedro 2:21)

Muitos de nós estamos familiarizados com a história do filho pródigo. Mas e a história do porco pródigo? Ela está na Bíblia também: "Teria sido melhor que não tivessem conhecido o caminho da justiça, do que, depois de o terem conhecido, voltarem as costas para o santo mandamento que lhes foi transmitido. Confirma-se neles que é verdadeiro o provérbio: 'O cão voltou ao seu vômito' e ainda: 'A porca lavada voltou a revolver-se na lama'" (2 Pedro 2:21-22).

Há muitas razões pelas quais eu sei que a Bíblia é verdadeira, e duas delas estão na passagem acima. Eu já vi um cachorro voltando ao seu próprio vômito. Se você já teve um cachorro, provavelmente também já viu. Quanto aos porcos, você pode pegá-los, vesti-los, e até mesmo passar perfume neles. Mas na primeira chance que tiverem, eles irão direto para a lama. Por quê? Porque um porco é um porco.

Assim, quando uma pessoa afirma ser cristã, é assim que sabemos se ela realmente é seguidora de Jesus Cristo. Os crentes, mesmo quando erram, sempre voltam-se para Deus. Os descrentes não. Escrevendo sobre este assunto, o apóstolo João disse: "Eles saíram do nosso meio, mas na realidade não eram dos nossos, pois, se fossem dos nossos, teriam permanecido conosco; o fato de terem saído mostra que nenhum deles era dos nossos." (1 João 2:19).

Assim, quando olhamos para pessoas que parecem ter se afastado do Senhor, e nos questionamos se elas perderam sua salvação, sugiro considerar que elas na verdade nunca estiveram salvas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário