quarta-feira, 24 de junho de 2015

Um Lugar Real Para as Pessoas

"Em vez disso, esperavam eles uma pátria melhor, isto é, a pátria celestial. Por essa razão Deus não se envergonha de ser chamado o Deus deles, pois preparou-lhes uma cidade." (Hebreus 11:16)

A Bíblia tem muito a dizer sobre como é o paraíso. Primeiro, o céu é um local. Jesus falou aos discípulos: “[...] Vou preparar-lhes lugar” (João 14:2). O céu é um lugar real para pessoas reais e quando chegarmos lá será maravilhoso e fantástico.

A Bíblia usa algumas palavras para descrever o céu, incluindo “Paraíso”. Jesus falou ao ladrão na cruz que se arrependeu: “Eu lhe garanto: Hoje você estará comigo no paraíso" (Lucas 23:43). O Paraíso ao qual Jesus se referia, literalmente falando, era uma palavra utilizada na época do primeiro século para se referir ao jardim de um rei. É difícil imaginar quão esplêndido e luxuoso isso poderia parecer nos dias de hoje. Se você é uma pessoa relativamente pobre e lhe fosse concedido o privilégio de ir a um jardim real você se impressionaria com suas riquezas e perfumes. Então, “Paraíso” é um ponto de referência para as pessoas. Embora limitado, ele nos dá um senso de como o céu irá superar nossos sentidos.

O Apóstolo Paulo teve uma experiência de ter sido levado para o céu, em vida e depois voltado para a terra. Ao descrever sua experiência ele falou que "foi arrebatado ao paraíso e ouviu coisas indizíveis, coisas que ao homem não é permitido falar" (2 Coríntios 12:4). O céu será melhor do que qualquer coisa que possamos imaginar e as Escrituras nos dão descrições e pistas de como será.

O que isso significa para nós? Se temos o espírito celestial, isso afetará a forma como vivemos na terra. E se isso não está afetando a forma como vivemos na terra, como poderíamos estar realmente preocupados com o céu?

Nenhum comentário:

Postar um comentário