quarta-feira, 18 de março de 2015

Heróis Anônimos

"André, irmão de Simão Pedro, era um dos dois que tinham ouvido o que João dissera e que haviam seguido a Jesus. O primeiro que ele encontrou foi Simão, seu irmão, e lhe disse: 'Achamos o Messias' (isto é, o Cristo)." (João 1:40-41)

Lemos muito sobre Pedro, Tiago e João no Evangelho, mas não sabemos muito sobre André. Sobre  André, o irmão de Pedro, não há muitas passagens no Novo Testamento. Mas o que lemos sobre ele é significativo. André é conhecido sobretudo como aquele que levou outros a Jesus. Na verdade, quando ele descobriu que Jesus era o Messias há muito tempo esperado por Israel, ele foi e encontrou seu irmão mais velho e o levou a Jesus.

Acho isso interessante, por causa do tipo de pessoa que Pedro era. Ele era o tipo de pessoa que entra em um lugar e todo mundo sabe que ele entrou. Ele sempre tinha algo a dizer e era um líder natural. É muito provável que André tenha passado a maior parte de sua vida na sombra de seu irmão. Simplesmente ele poderia ter mantido o conhecimento de Jesus para si e dizer: "Eu não quero que Pedro participe disto. Ele provavelmente vai tentar assumir tudo." Em vez disso, ele foi e trouxe Pedro a Jesus.

Na verdade, cada vez que lemos algo sobre André, ele está trazendo alguém para Jesus. Há o menino com os pães e os peixes que ele trouxe para Jesus, que então multiplicou esses mantimentos para alimentar milhares de pessoas (João 6:8). Em seguida, houve alguns homens gregos que vieram em busca da verdade e André, junto com Filipe, os trouxe a Jesus (João 12:22). Podemos dizer que André foi um herói anônimo. O tipo de pessoa que está disposta a fazer o que precisa ser feito, enquanto voa por baixo do alcance do radar. Esse tipo de pessoa não se importa se você sabe sobre ela. Ela só quer que a Deus seja dada toda a glória.
E é disto que precisamos lembrar: Se tivéssemos mais Andrés, nós provavelmente teríamos mais Pedros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário