quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

O Sacrifício de Louvor

"Por meio de Jesus, portanto, ofereçamos continuamente a Deus um sacrifício de louvor, que é fruto de lábios que confessam o seu nome." (Hebreus 13:15)

Há momentos em que não sentimos vontade de louvar a Deus. Mas os crentes do primeiro século sempre sentiam vontade de louvar a Deus? Eles foram perseguidos. Eles foram espancados. Eles foram ridicularizados. E isso tudo foi antes do café da manhã. Todavia, ainda assim eles adoravam ao Senhor.

A Bíblia não diz para dar graças ao Senhor porque você se sente bem. Ao contrário, a Bíblia diz, "Dêem graças ao Senhor porque ele é bom; o seu amor dura para sempre" (Salmo 106:1). A Bíblia também nos diz para oferecer, através de Jesus, um contínuo sacrifício de louvor a Deus, que é fruto de lábios que confessam o seu nome (Hebreus 13:15). Sim, louvor e adoração às vezes podem ser um sacrifício. Há momentos quando estamos para baixo, ou deprimidos, ou quando as coisas não vão lá muito bem; ou, quando ainda, há uma grande dificuldade ou tragédia, nas quais não queremos agradecer a Deus.

Mas o que você acha que Jó sentiu louvando a Deus quando perdeu tudo? Ele perdeu a sua família, a sua casa, as suas posses, a sua saúde - e tudo de uma única vez. Mas o que a Bíblia diz que ele fez? Ele "prostrou-se no chão em adoração" e disse: "Saí nu do ventre da minha mãe, e nu partirei. O Senhor o deu, o Senhor o levou; louvado seja o nome do Senhor" (Jó 1:20-21).
Este sim, é o sacrifício de louvor.

O sacrifício de louvor é também algo que devemos verbalizar. Observe que Hebreus 13:15 diz que oferecer um sacrifício contínuo de louvor a Deus inclui "lábios que confessam o seu nome". Precisamos verbalizar o nosso louvor a Deus. Não que Deus precise de nossos elogios, mas  - mesmo assim - Ele os quer. E é Ele que nos diz para proclamar o nosso louvor.

Um comentário:

  1. Blog encantador,gostei do que vi e li,e desde já lhe dou os parabéns,
    também agradeço por partilhar o seu saber, se achar que merece a pena visitar o Peregrino E Servo,também se desejar faça parte dos meus amigos virtuais faça-o de maneira a que possa encontrar o seu blog,para que possa seguir também o seu blog. Paz.
    António Batalha.

    ResponderExcluir