segunda-feira, 15 de setembro de 2014

No Cais ou no Barco?

"Adúlteros, vocês não sabem que a amizade com o mundo é inimizade com Deus? Quem quer ser amigo do mundo faz-se inimigo de Deus." (Tiago 4:4)

Ló era sobrinho do único homem identificado na Bíblia como o amigo íntimo de Deus, Abraão. 

Abraão essencialmente queria andar com Deus, mas Ló não. Abraão era um homem que possuía uma profunda amizade com Deus. Ló estava interessado em uma amizade com Deus, mas também estava muito interessado na amizade com o mundo. 

O apóstolo Tiago escreveu: "[...] vocês não sabem que a amizade com o mundo é inimizade com Deus? Quem quer ser amigo do mundo faz-se inimigo de Deus." (Tiago 4:4). 

Tiago está dizendo que, se você está seguindo a Jesus Cristo, não pode ser amigo do mundo. E "o mundo" significa o sistema de coisas que é hostil à verdade de Deus. 

Caso você não tenha notado, a cultura em que vivemos não promove os valores cristãos. Na verdade, esta cultura promove o oposto.

Parece que em cada esquina há hostilidade para aqueles que acreditam que existe o certo e o errado, a moralidade e a imoralidade. Na cultura do vale tudo, as pessoas não gostam de quem segue um conjunto de padrões e neles ficam inabaláveis.

Se eu quiser ser amigo deste mundo e fazer o que o meu coração deseja, envolver-me em todos os prazeres que me interessam, então não posso ser amigo de Deus. 

É como ter um pé no cais e um pé no barco a remo que começa a se afastar. Você terá de fazer uma escolha. Você não pode viver em dois mundos.

Você precisa caminhar com Deus, assim como Abraão fez.

Nenhum comentário:

Postar um comentário