segunda-feira, 7 de julho de 2014

Táticas Inimigas

"Se vocês perdoam a alguém, eu também perdoo; e aquilo que perdoei, se é que havia alguma coisa para perdoar, perdoei na presença de Cristo, por amor a vocês, a fim de que Satanás não tivesse vantagem sobre nós; pois não ignoramos as suas intenções." (2 Coríntios 2:10-11)

O diabo tende a usar repetidamente as mesmas táticas. Imagino que ele opere segundo o velho ditado: "Não se mexe em time que está ganhando".

Ele vem usando tais técnicas, planos e estratégias desde o Jardim do Éden e eles vêm surtindo grande efeito para derrubar inúmeras pessoas. Por isso, ele continua a usá-los, geração após geração.

Essa é a má notícia. A boa notícia é que agora sabemos quais são essas táticas, pois estão claramente identificadas na Bíblia.

O diabo é um perigoso lobo que às vezes se disfarça de ovelha. Às vezes ruge feito um leão. Mas vem mais frequentemente como uma cobra. Às vezes ele chega a nós em toda sua depravação e horror. Outras vezes chega como um anjo de luz. É por isso que devemos estar sempre alertas.

Ele nos tenta, sussurrando: "Pode acreditar. Cometa o pecado. Não tem problema. Ninguém vai ficar sabendo." A gente morde a isca e cai no pecado.

Aí o diabo berra: "Mas que hipócrita! E pensa que Deus vai ouvir orações suas? Nem perca tempo indo à igreja!" Infelizmente, algumas pessoas dão ouvidos a isso, acreditam e se afastam.

Lembre-se: não importa o que você tenha feito. Não importa que pecado tenha cometido. Deus sempre estará pronto a perdoá-lo se você der as costas a esse pecado e retornar para Ele. Não deixe o diabo isolá-lo da Palavra de Deus e do povo de Deus, pois isso é exatamente o que o diabo procura fazer.

Um comentário: