segunda-feira, 14 de abril de 2014

A Raiz do Problema

"Pois decidi nada saber entre vocês, a não ser Jesus Cristo, e este, crucificado." (1 Coríntios 2:2)

Tenho recebido ao longo dos anos muitas cartas convidando a me envolver com alguma causa, para participar de um boicote ou de uma marcha. Admiro as pessoas que saem a defender o que é certo e acho que, como cristãos, precisamos marcar presença nessa cultura e sociedade tão problemática.

Mas, pessoalmente, tenho escolhido atacar a raiz do problema, que é o pecado. Escolhi tentar ajudar essa sociedade pela pregação do evangelho, porque descobri que uma mudança no estilo de vida não traz salvação. Mas a verdadeira salvação sempre trará uma mudança no estilo de vida.

Quando o apóstolo Paulo foi a Roma, havia muitos problemas sociais que ele poderia ter abordado. Em vez disso, ele optou por atacar a raiz do problema. Roma era uma cidade cheia de escravos, mas Paulo não centrou sua pregação na escravidão. Roma era uma cidade de imoralidade desenfreada, mas Paulo não centrou sua mensagem sobre uma reforma moral. Roma era uma cidade de corrupção financeira, mas Paulo não centrou a sua pregação sobre os problemas do presente.

Sua mensagem era simples. Ele atacou a raiz. Deu-lhes o evangelho.

Eu posso trabalhar para trazer reforma e moralidade à minha cultura e sociedade. Posso até trabalhar para ajudar a obter leis aprovadas que irão diminuir a propagação do pecado e da corrupção. Mas se eu puder levar outros a Cristo, sua moral e seus estilos de vida mudarão radicalmente. Não só eles terão a esperança do céu, como também serão pessoas diferentes na sociedade em que vivvem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário