segunda-feira, 24 de março de 2014

Quando Duvidamos

"Agora, pois, vemos apenas um reflexo obscuro, como em espelho; mas, então, veremos face a face [...]" (1 Coríntios 13:12)

Oswald Chambers certa vez falou: "A dúvida não é sempre um sinal de que alguém está errado. Pode ser um sinal de que a pessoa está pensando".

Há uma diferença grande entre dúvida e falta de fé. Dúvida é uma questão da mente. Falta de fé é uma questão do coração. Dúvida é quando não entendemos o que Deus está fazendo e por quê Ele está fazendo. Falta de fé é quando recusamos crer na Palavra de Deus e no que Ele nos diz para fazer. Não podemos confundir as duas coisas.

Lembram-se dos discípulos desencorajados no caminho para Emaús? Para eles, Jesus tinha falhado em Sua missão e sido crucificado. Jesus então se juntou a eles na estrada e começou a falar com eles. No final: "Perguntaram-se um ao outro: 'Não estavam ardendo os nossos corações dentro de nós, enquanto ele nos falava no caminho e nos expunha as Escrituras?'" (Lucas 24:32)

Deus lidou com a dúvida deles através de Sua palavra e Deus também irá lidar com a nossa dúvida com a sua palavra. Quando você está com dúvida, essa não é a hora de fechar a Bíblia. É hora de abrí-la e deixar Deus falar com você.

Talvez você esteja com dúvidas acerca da forma como Deus tem agido em sua vida. Ou esteja se perguntando recentemente muitos "por quês?" Talvez o tempo de Deus para você não faça nenhum sentido.

A Bíblia diz: "[...] Agora conheço em parte; então, conhecerei plenamente, da mesma forma como sou plenamente conhecido." (1 Coríntios 13:12).

Tudo será resolvido no última dia, quando estivermos à frente de Deus.
Deus não nos pede que entendamos tudo. Ele nos pede somente para crermos e confiarmos n'Ele.

Nenhum comentário:

Postar um comentário