segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

O Senhor de Tudo

"A árvore boa não pode dar frutos ruins, nem a árvore ruim pode dar frutos bons. Toda árvore que não produz bons frutos é cortada e lançada ao fogo. Assim, pelos seus frutos vocês os reconhecerão!" (Mateus 7:18-20)

Hoje em dia há pessoas que costumam bater no peito dizendo:"eu sou cristão", mas costumam ficar bêbadas com frequência. Dizem "eu sou cristão", mas fazem sexo ilícito ou são infiéis. Dizem "eu sou cristão", mas em seus negócios mentem para as pessoas todos os dias e distorcem os fatos. Pegam dinheiro que não é realmente seu. Há um monte de gente hoje que pensa ser cristã, mas - de fato - não o são, porque não mudaram realmente e não vivem de acordo com o que a Bíblia ensina.

Não estou querendo dizer com isso que um cristão não possa pecar ou que não vai escorregar. Mas há uma grande diferença entre aquela pessoa que erra, peca, arrepende-se e quer mudar e uma pessoa que vive em constante pecado intencional.

A Bíblia diz que se você vive dessa maneira, então não conhece a Deus. Talvez a razão de algumas pessoas nunca realmente terem conhecido a alegria do Senhor é que elas nunca cumpriram as exigências básicas da salvação. Pensam que ser cristão é apenas ter Jesus como uma referência e não percebem que Ele quer ser o seu Senhor, quer guiá-las e dar-lhes direção. Não percebem que Ele tem um plano e um propósito distinto e único para as suas vidas.

Jesus Cristo quer ser o Senhor de todas as áreas da sua vida. Ele quer ser o Senhor da sua empresa, do seu tempo livre, dos seus relacionamentos... O Senhor de tudo. E se Ele não é Senhor de tudo, então Ele não é o seu Senhor em tudo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário