quarta-feira, 20 de novembro de 2013

Alcançando os de Sua Própria Família

"Pois nem os seus irmãos criam nEle." (João 7:5)

É interessante lembrar que nem Tiago, nem qualquer dos outros irmãos de Jesus acreditavam nele antes de Sua ressurreição. Em um determinado momento, tentaram levá-lo para casa pois pensavam que Ele tinha perdido o juízo. João 7:5 nos diz: "Pois nem os seus irmãos criam nEle."

Tiago começa a sua epístola identificando-se como um servo de nosso Senhor Jesus Cristo (Tiago 1:1). Isto é importante se você considerar o fato de que Tiago era meio-irmão de Jesus,assim como os outros irmãos e irmãs. Mesmo assim, Tiago não começa a sua epístola dizendo: "Tiago, irmão do Senhor", ou mesmo "Tiago, o meio-irmão de Jesus". Ao invés disso, ele escreve: "Tiago, servo de Jesus."

Lá estava Jesus, que viveu uma vida perfeita, uma vida sem pecado. Ele nunca mentiu, roubou ou perdeu a paciência. Ele nunca pecou interiormente. No entanto, como o próprio Jesus disse: "Só em sua própria terra, entre seus parentes e em sua própria casa, é que um profeta não tem honra" (Marcos 6:4). Isso mostra que, mesmo vivendo uma vida perfeita e sem pecado, isto não converterá necessariamente alguém. E estamos longe de viver o testemunho que deveríamos viver.

As pessoas mais difíceis de alcançar são normalmente aquelas mais próximas de nós, especialmente as de nossa própria família. Muitos de nós fomos criados em lares não cristãos e sabemos o quão difícil e hostil um lar pode ser. Foi preciso que Jesus Cristo ressuscitasse dentre os mortos para finalmente alcançar seus irmãos. Foi quando todos acreditaram e o poder do evangelho pôde ser manifestado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário