terça-feira, 24 de setembro de 2013

A Grande Escolha da Vida

“Não sabem que, quando vocês se oferecem a alguém para lhe obedecer como escravos, tornam-se escravos daquele a quem obedecem: escravos do pecado que leva à morte, ou da obediência que leva à justiça?” (Romanos 6:16)

Certa vez Billy Graham foi convidado para um programa de auditório e lhe questionaram sobre a violência nas escolas e sobre outros tantos problemas de nossa sociedade. Ele disse: -“Uma coisa que as pessoas esquecem é que o diabo está trabalhando.”

Essa é a mais pura verdade: o diabo está trabalhando. Quando refletimos sobre isso, percebemos que essa é a única explicação plausível para as loucuras que a humanidade é capaz de cometer. Tão certo quanto há um Deus nos céus que nos ama, existe um diabo no inferno que nos odeia. Jesus resumiu isso quando disse, falando sobre Satanás: “O ladrão vem apenas para furtar, matar e destruir; eu vim para que tenham vida, e a tenham plenamente.” (João 10:10). Essa é nossa escolha na vida: Deus ou o diabo.

Muitas pessoas dizem que não escolhem nenhum dos dois. Mas, na realidade, não escolhendo nenhum, está se escolhendo o diabo. Não existe outra opção. Uma das estratégias mais brilhantes de Satanás é convencer as pessoas de que ele não existe, enquanto ele as  manipula o tempo todo. A humanidade é basicamente má. E é o diabo que trabalha na natureza pecaminosa do ser humano, fazendo com que cometamos suas obras más.

Deus nos dá uma escolha na vida. Não somos forçados a escolhê-Lo. Nem somos forçados a escolher o diabo. Mas Deus nos deu algo que chamamos de livre arbítrio. Podemos escolher o pecado, que leva à morte, ou podemos escolher a obediência a Deus, que leva à justiça.

Nenhum comentário:

Postar um comentário