quarta-feira, 26 de junho de 2013

Falsos Mestres

"Pois certos homens, cuja condenação já estava sentenciada há muito tempo, infiltraram-se dissimuladamente no meio de vocês. Estes são ímpios, e transformam a graça de nosso Deus em libertinagem e negam Jesus Cristo, nosso único Soberano e Senhor." (Judas 1:4)

- Será possível pregar sem ser um crente verdadeiro? Ou até mesmo fazer milagres e não ser necessariamente salvo? É claro que sim.

Jesus disse: "Nem todo aquele que me diz: ‘Senhor, Senhor’, entrará no Reino dos céus, mas apenas aquele que faz a vontade de meu Pai que está nos céus. Muitos me dirão naquele dia: ‘Senhor, Senhor, não profetizamos nós em teu nome? Em teu nome não expulsamos demônios e não realizamos muitos milagres?" (Mateus 7:21-22).

Observe que Jesus disse: "Muitos me dirão naquele dia" (grifo nosso). Isto nos lembra que haverá uma abundância de falsos milagres nos últimos dias. Muitos vão dizer que têm feito milagres. Muitos dirão que têm expulsado demônios. Mas Jesus dirá: "Nunca os conheci. Afastem-se de mim vocês, que praticam o mal! " (Mateus 7:23).

A pior coisa que se pode imaginar é a disseminação da maldade disfarçada como a verdadeira fé. Infelizmente, isso acontece na igreja de hoje. Gostaria que pudéssemos identificar essas pessoas mais facilmente. Mas Judas apontou que eles vêm dissimuladamente (ver Judas 1:4). Essa é a ideia. Satanás é um enganador. E é por isso que, por mais de uma vez, a Bíblia compara-o a uma cobra. Como colecionador de cobras quando criança, eu sei muito bem como elas podem sair facilmente dos lugares mais apertados e difíceis de escapar. Da mesma forma, Satanás se infiltra despercebido na igreja.

Os falsos mestres entram na igreja secretamente. E o número deles cresce, aproveitando-se dos crentes desavisados.
Cuidado com os falsos mestres. E cuidado especialmente com aqueles que dizem que têm uma mensagem que você não vai ouvir em nenhum outro lugar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário