quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Ordenados por Deus

"Vendo a coragem de Pedro e de João, e percebendo que eram homens comuns e sem instrução, ficaram admirados e reconheceram que eles haviam estado com Jesus." (Atos 4:13)

Quando Pedro e João foram levados perante o Sinédrio, causaram grande perplexidade. Apesar de serem pescadores comuns, mostraram-se muito bem versados nas Escrituras e - o mais importante: tinham plena compreensão delas. Eles pareciam estar mais bem preparados do que os próprios rabinos - os profissionais.

Mas de onde veio isso? Atos 4:13 nos diz que esses líderes "reconheceram que eles haviam estado com Jesus." Outra tradução diz: "Então eles, vendo a ousadia de Pedro e João e informados de que eram homens sem letras e indoutos, maravilharam-se e reconheceram que eles haviam estado com Jesus." (ACF).

Isso não significa que Pedro e João eram analfabetos. Ao contrário, significava apenas que eles não eram treinados como rabinos. Eles não frequentaram as escolas rabínicas locais, nem aprenderam os idiomas, nem passaram suas vidas estudando das Escrituras.

Que Deus nos livre das chamadas pessoas profissionais - ordenadas por homens, mas não por Deus. Que Deus nos livre de pregadores que não pregam e de ministros que sentem que seu objetivo na vida é ensinar-nos religiosidade, política, filosofia ou psicologia. As pessoas querem ouvir a Palavra de Deus. E, se alguém  dedicar tempo para explicá-la, acho que encontrará um público pronto.

Talvez Deus não lhe tenha chamado para ser um pastor ou um missionário. Mas 2 Crônicas 16:9 diz que os olhos de Deus "passam por toda a terra, para mostrar-se forte para com aqueles cujo coração é perfeito para com ele". Deus procura mais a disponibilidade do que a habilidade. Você está disponível para Ele?

Nenhum comentário:

Postar um comentário