sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

Constantemente Observados

“A testemunha que fala a verdade salva vidas, mas a testemunha falsa é enganosa.” (Provérbios 14:25

Todo cristão tem uma história para contar sobre o que Deus fez em sua vida, um testemunho pessoal. As pessoas podem questionar sobre o que você acredita, mas não podem ficar indiferentes ao impacto de Jesus Cristo em sua vida. Não subestime: é um testemunho profundo sobre Deus, quando as pessoas vêem sua vida mudar radicalmente a partir de seu compromisso com Cristo.

Temos que reconhecer que, como cristãos, estamos constantemente sendo observados. Quando as pessoas descobrem que você é um crente, elas vão começar a lhe observar mais atentamente. A primeira vez em que você abrir sua pasta e tirar a sua Bíblia, a primeira vez em que você abaixar a cabeça para orar antes da sua refeição, as pessoas estarão observando. Elas querem ver se você pratica aquilo que prega. Querem ver se você é legítimo, se é verdadeiro...

E se você for autêntico e verdadeiro, irá levá-las à loucura. Nada atormenta mais um incrédulo do que uma vida transformada e consistente. Mas, se eles perceberem hipocrisia, deficiências e inconsistências em sua vida, poderão convenientemente justificar suas incredulidades e suas dúvidas a partir disso.

Eu cheguei a Jesus pelo testemunho consistente de um grupo de cristãos em meu colégio. Eles realmente viviam sua fé. Tinham sorrisos em seus lábios e alegria em seus corações. Eles me intrigavam, interessavam. Eu achei-os consistentes e foi isso que me levou a uma reunião cristã. Ninguém me convidou. Eu fui sozinho e entreguei minha vida a Cristo.

Como cristãos, somos representantes do Deus altíssimo. Importa sim, qual impressão causamos nos outros, porque estamos sendo constantemente observados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário