quinta-feira, 16 de agosto de 2012

Um Padrão de Cura

"Está alguém entre vós doente? Chame os presbíteros da igreja, e orem sobre ele, ungindo-o com azeite em nome do Senhor." (Tiago 5:14)

Creio que Deus tem curado pessoas atualmente. Sabemos que Ele milagrosamente incluiu no corpo humano um processo natural em que o próprio corpo pode se curar com o tempo, mas creio que Deus pode acelerar o processo de cura. Também acredito que Ele pode fazer um milagre, quando somos informados de que não há mais esperança. Tenho visto muitos deles ao longo da minha vida. Deus promete o Seu toque de cura e nos diz que pelas suas feridas fomos sarados. Então, devemos pedir a Deus para nos curar quando estivermos diante de alguma doença.

Em Tiago 5 nos é dado o padrão bíblico para a cura: "Está alguém entre vós doente chame os presbíteros da igreja, e orem sobre ele, ungindo-o com óleo em nome do Senhor."

É interessante que a Bíblia não diz: "Está alguém entre vós doente? Então vá encontrar um curandeiro." Não estou sugerindo que os milagres não acontecessem na igreja primitiva, porque na verdade eles aconteciam. Não estou dizendo que a cura não era feita pela fé, porque era. O que estou querendo dizer é que isso nunca foi o foco dos apóstolos. A igreja primitiva não perseguia sinais e prodígios; os sinais e maravilhas os seguiam. Esta é uma distinção importante.

Podemos chegar a Deus e pedir-lhe por uma cura. Agradeço a Deus que a cura está disponível para nós hoje. Mas cometemos um erro quando nos concentramos sobre este fenômeno, sobre a experiência. Em vez disso, devemos nos concentrar na proclamação da Palavra de Deus e deixar os milagres, as curas, e todo o resto para Deus fazer o que soberanamente escolher.

Nenhum comentário:

Postar um comentário