quarta-feira, 4 de julho de 2012

Como Devemos Esperar

"Ele disse: Um homem de nobre nascimento foi para uma terra distante para ser coroado rei e depois voltar. Então, chamou dez dos seus servos e lhes deu dez minas. Disse ele: ‘Façam esse dinheiro render até à minha volta’" (Lucas 19:12-13)

Como as crianças na véspera de Natal, que não podem esperar para abrir seus presentes, assim devemos esperar pelo retorno do Senhor. No entanto, muitos crentes não agem desta forma. Eles não estão vigiando e esperando. Em vez disso, simplesmente gastam seu tempo em outras atividades.

Tiago nos diz em sua epístola: "Portanto, irmãos, sejam pacientes até a vinda do Senhor. Vejam como o agricultor aguarda que a terra produza a preciosa colheita e como espera com paciência até virem as chuvas do outono e da primavera" (Tiago 5:7). A palavra que Tiago usa para "paciente" não tem o significado de uma resignação passiva, mas de uma paciente expectativa da vinda do Senhor. Tiago não está dizendo que deveríamos ter uma atitude “laissez-faire” que diz: "Suponho que o Senhor vai aparecer um dia destes. Pode ser na minha vida .... eu não sei." Ao contrário, devemos estar à espera em expectativa, excitação e alegria.

E em Romanos 13 somos lembrados que, uma vez que entendemos o presente momento, a hora chegou para os cristãos: "Chegou a hora de vocês despertarem do sono, porque agora a nossa salvação está mais próxima do que quando cremos" (versículo 11). A passagem continua: "Comportemo-nos com decência, como quem age à luz do dia, não em orgias e bebedeiras, não em imoralidade sexual e depravação, não em desavença e inveja. Pelo contrário, revistam-se do Senhor Jesus Cristo, e não fiquem premeditando como satisfazer os desejos da carne" (Romanos 13:13-14).

Este é o caminho que devemos seguir.

Nenhum comentário:

Postar um comentário