segunda-feira, 25 de junho de 2012

Esquecendo de Deus

"Vocês nem sabem o que lhes acontecerá amanhã! Que é a sua vida? Vocês são como a neblina que aparece por um pouco de tempo e depois se dissipa." (Tiago 4:14)

Houve um tempo em minha vida em que conseguia lembrar de cada semana, mês ou ano. Agora eu me lembro das décadas mais facilmente do que de cada ano. O tempo parece passar tão rapidamente.

Quando perguntaram a Billy Graham qual havia sido a sua maior surpresa na vida, ele respondeu: "A sua brevidade." É verdade. O tempo não pára.

A bíblia certamente ecoa essa ideia da brevidade da vida humana. Jó disse: "Meus dias correm mais velozes que um atleta; eles voam sem um vislumbre de alegria". (Jó 9:25)

Davi disse: "Deste aos meus dias o comprimento de um palmo; a duração da minha vida é nada diante de ti. De fato, o homem não passa de um sopro" (Salmos 39:5)

E Tiago colocou a seguinte questão: "Vocês nem sabem o que lhes acontecerá amanhã! Que é a sua vida? Vocês são como a neblina que aparece por um pouco de tempo e depois se dissipa" (Tiago 4:14). Tiago não estava respondendo a uma questão filosófica, mas a uma mais descritiva. A melhor maneira de entender seria: "Que tipo de vida você leva?"

Também é importante notar que ele falava aos cristãos envolvidos no mundo do comércio. Eles pareciam se beneficiar do que não lhes era devido. Eles se gabavam de sua habilidade para ganhar dinheiro e serem bem sucedidos, e no processo foram esquecendo tudo sobre Deus.

É sempre perigoso tentarmos obter mérito por aquilo que Deus nos deu capacidade para fazer. Deus adverte que Ele não vai dividir Sua glória com outros. Então vamos ter o cuidado para não nos esquecermos de Deus em nossas vidas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário