segunda-feira, 12 de março de 2012

Pessoas de Oração

“O Senhor lhe disse: 'Vá à casa de Judas, na rua chamada Direita, e pergunte por um homem de Tarso chamado Saulo. Ele está orando'” (Atos 9:11)

A conversão de Saulo de Tarso foi tão inesperada que quase ninguém ainda acreditava, mas Deus disse a Ananias: "Vá à casa de Judas, na rua chamada Direita, e pergunte por um homem de Tarso chamado Saulo. Ele está orando" (Atos 9:11). Ananias foi e encontrou Saulo em oração.

O mesmo deve ser dito de nós. Devemos ser conhecidos como pessoas de oração.

Daniel era bem conhecido como um homem de oração. Seus adversários tentaram encontrar acusações para fazer contra ele, algo contra o seu caráter ou seu estilo de vida, mas ele estava completamente limpo. E eles sabiam uma coisa sobre Daniel: ele orava todos os dias, três vezes por dia. Quando criaram um decreto real para que ninguém pudesse orar, exceto para o rei, Daniel não parou. Voltou para casa e orou três vezes naquele dia, como de costume. Ele foi fiel em orar, e Deus foi fiel em salvá-lo dos leões (ver Daniel 6).

A oração que chamamos de oração do Senhor foi dada em resposta ao pedido dos discípulos, que disseram: "Senhor, ensina-nos a orar" (Lucas 11:1). Este deve ser o desejo do coração de cada cristão: "Senhor, ensina-me a orar." A oração eficaz não deve apenas ser o nosso desejo do coração, mas uma característica que define a nossa vida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário