quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Uma Maneira de Escapar

"Jonas entrou na cidade e a percorreu durante um dia, proclamando: 'Daqui a quarenta dias Nínive será destruída'. Os ninivitas creram em Deus. Proclamaram jejum, e todos eles, do maior ao menor, vestiram-se de pano de saco." (Jonas 3:4-5)

O profeta Jonas, muito relutantemente, foi para a cidade de Nínive e pregou que Deus iria julgá-la em 40 dias. Surpreendentemente, o povo de Nínive se arrependeu de seus pecados e o rei ordenou a seus súditos que "clamassem a Deus com todas as suas forças" (Jonas 3:8). Portanto, Deus suspendeu Seu julgamento do povo de Nínive. Havia um modo de escapar do julgamento de Deus.

Entenda isso: Deus não quer nos julgar. Se Ele quisesse, teria julgado há muito tempo atrás. No livro de Ezequiel, Deus disse: "Eu não tenho prazer na morte dos ímpios" (Ezequiel 33:11). Pedro reforça este princípio a respeito de Deus quando escreve: "O Senhor não demora em cumprir a sua promessa, como julgam alguns. Pelo contrário, ele é paciente com vocês, não querendo que ninguém pereça, mas que todos cheguem ao arrependimento." (2 Pedro 3: 9). A última coisa que Deus quer é ver você ir para o inferno. A última coisa que Ele quer é ver sua vida desperdiçada e jogada fora.

Deus te criou à Sua imagem, Ele se preocupa com você. É por isso que Ele enviou Seu próprio Filho para morrer na cruz no seu e no meu lugar. Há um modo de escapar do julgamento de Deus. É através de Seu Filho, Jesus Cristo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário