sexta-feira, 9 de setembro de 2011

Supere Isso

"Sadraque, Mesaque e Abede-Nego responderam ao rei: 'Ó Nabucodonosor, não precisamos defender-nos diante de ti. Se formos atirados na fornalha em chamas, o Deus a quem prestamos culto pode livrar-nos, e ele nos livrará das suas mãos, ó rei. Mas, se ele não nos livrar, saiba, ó rei, que não prestaremos culto aos seus deuses nem adoraremos a imagem de ouro que mandaste erguer'". (Daniel 3:16-18)

Prisioneiros dentro dos limites de Babilônia, Sadraque, Mesaque, Abede-nego e Daniel poderiam facilmente estar desgostosos em relação à vontade de Deus. Eles poderiam ter gritado: "Senhor, isso não é justo. Nós não pecamos contra ti. Foram nossos pais, avós, e bisavós. Não é nossa a culpa. Como é que nós estamos colhendo tais conseqüências?"

Existem pessoas hoje em dia que colocam a culpa dos seus problemas em todos, menos em si. "A razão por eu estar tão confuso", eles dizem, "é por causa da minha mãe, ou do meu pai, ou dos meus amigos do colégio. Eles feriram a criança que há dentro de mim." Há uma canção da banda Eagles que fala deste absurdo disfuncional que coloca toda a culpa em outra coisa e ninguém assume a responsabilidade por suas ações. O refrão da música diz: "Get over it. Get over it" (Supere isso. Supere isso). E é isso que precisamos fazer: Superar. Precisamos parar de culpar os outros pelos nossos problemas.

Daniel, Sadraque, Mesaque e Abede-nego poderiam culpar seus ancestrais por suas condições presentes. Em vez disso, reconheceram que Deus estava com eles. Deus os veria passar por isso, superar. "Temos os nossos valores", eles disseram, "Temos nossas convicções. Nosso mundo pode ter mudado, mas vamos seguir adiante."

Estes quatro homens de Deus permanecem fiéis porque tinham um Deus para servir e uma posição a tomar. Esta regra vale para todos os cristãos. Não importa a gravidade ou circunstância da nossa situação, o Deus a quem servimos e a posição que tomamos nunca deve mudar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário