terça-feira, 13 de setembro de 2011

O "X" da Questão

"Pois não deixei de proclamar-lhes toda a vontade de Deus." (Atos 20:27)

Como deve ser difícil para um médico chegar para uma pessoa que acabou de fazer um exame e dizer: "Me desculpe, mas você tem câncer." O médico deve dizer a verdade para que o paciente possa procurar o tratamento necessário.

Da mesma forma é difícil às vezes oferecer toda a mensagem do evangelho. O apóstolo Paulo disse aos senhores de Éfeso: "Pois não deixei de proclamar-lhes toda a vontade de Deus." (Atos 20:27). Temos tanta animação em dizer às pessoas: "Deus ama você. Ele lhe dará paz, alegria, perdão e esperança se você receber Jesus Cristo em sua vida." Porém quando alguém pergunta "O que vai acontecer quando eu morrer se eu me recusar a acreditar em Jesus Cristo?", já não nos mantemos tão animados para compartilhar todo o desígnio de Deus.

Algumas vezes não gostamos de dizer as palavras inferno e julgamento porque as pessoas ficarão ofendidas. Então escondemos essa parte da mensagem do evangelho. Ouça: a palavra do evangelho significa Boa Nova, mas antes que alguém possa apreciar plenamente a Boa Nova, ele precisa saber tudo sobre o lado ruim. Jesus não veio para ser um aditivo em nossas vidas. Ele não veio só para nos manter aquecidos, com sentimentos  confortáveis. Jesus veio primeiramente para nos libertar da condenação eterna ao inferno. Coisas como felicidade, paz e alegria são benefícios adicionais. A grande questão é a eternidade. Não devemos ter medo de dizer a verdade às pessoas. Precisamos, como o apóstolo Paulo, proclamar todo o desígnio de Deus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário