segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Estar no Mundo, Não Ser do Mundo

"Quando Daniel soube que o decreto tinha sido publicado, foi para casa, para o seu quarto, no andar de cima, onde as janelas davam para Jerusalém. Três vezes por dia ele se ajoelhava e orava, agradecendo ao seu Deus, como costumava fazer" (Daniel 6:10)

Às vezes pensamos que o único lugar onde podemos crescer espiritualmente é no meio dos cristãos. Nossa ideia é que um bom cristão deve matricular seus filhos em uma escola cristã. Achamos que só podemos assistir programas de TV cristãos e vestir somente roupas cristãs. Tudo tem que ser cristão. Acreditamos que só assim cresceremos espiritualmente.

Não quero que você me entenda mal, pois não estou contestando essas coisas. É ótimo estar cercado por cristãos, e os encorajo a procurar ter comunhão com outros crentes. Mas veja bem: você pode realmente prosperar espiritualmente em situações adversas. Talvez você esteja em uma escola e não esteja cercado de pessoas que amam o Senhor. Talvez você trabalhe em um local em que você fique cercado de ateus. Talvez as pessoas utilizem o nome de Deus em vão ou você esteja passando por alguma outra situação difícil, na qual diga: "Não poderei sobreviver espiritualmente aqui!"

Talvez você realmente precise sair de tal situação. Para isso, terá que pedir sabedoria a Deus. Mas talvez Deus o tenha colocado nisso por alguma razão. Você sabe que pode crescer espiritualmente e tornar-se um cristão mais forte em um ambiente como esse? Às vezes, quando estamos somente em um ambiente cristão, podemos colocar nossas vidas no "piloto automático espiritual". Mas quando estamos em um ambiente desfavorável, somos forçados a agir de uma das seguintes maneiras: ou nunca colocamos para fora nossa crença, ou nos levantamos para Jesus Cristo.

Daniel se levantou no meio de um mundo ímpio. Ele nunca comprometeu seus princípios divinos. Nós também devemos ter como propósito em nossos corações não nos contaminarmos com um mundo ímpio (ver Daniel 1:8). Como Daniel, devemos entrar no mundo sem ser do mundo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário