segunda-feira, 20 de junho de 2011

Um Processo para a Ressurreição (Parte 2)

"Mas quando chegaram a Jesus, percebendo que já estava morto, não lhe quebraram as pernas. Em vez disso, um dos soldados perfurou o lado de Jesus com uma lança, e logo saiu sangue e água. Aquele que o viu, disso deu testemunho, e o seu testemunho é verdadeiro. Ele sabe que está dizendo a verdade, e dela testemunha para que vocês também creiam." (João 19:33-35)

A teoria do desmaio é uma das mentiras mais antigas de Satanás sobre a Ressurreição. Esta teoria propõe que Jesus não ressuscitou dentre os mortos, porque Ele nunca morreu de verdade. Em vez disso, Jesus teria entrado em uma espécie de coma profundo, ou desmaio, devido à dor e ao trauma da crucificação. Em seguida, na atmosfera nada agradável do túmulo, Cristo teria acordado. As tiras de pano que haviam sido firmemente presas em seu corpo teriam se soltado de alguma forma para então Ele aparecer aos seus discípulos.

A teoria do desmaio sucumbe frente aos fatos. Note que os guardas romanos eram peritos em execução.  Eles teriam sido mortos se permitissem que um homem condenado a morte, como Cristo, dela escapasse. Os guardas tiveram certeza que Jesus estava morto quando o golpearam lateralmente com uma lança e de seu corpo saiu sangue e água. Esta foi a prova final de sua morte, já que isso ocorre quando o coração pára de bater.

Há algum tempo atrás eu li uma pergunta que um leitor de uma coluna de aconselhamentos local fez sobre a Ressurreição. Ele perguntou, "Querido Uticus, nosso pastor disse que Jesus desmaiou na cruz e, logo em seguida, seus discípulos cuidaram de sua saúde. O que você acha? Assinado, 'O Atordoado'". Uticus respondeu: "Caro 'Atordoado', dê 39 chicotadas em seu pastor com um chicote de múltiplas tiras. Depois, pregue-o em uma cruz. Deixe-o lá por seis horas. Depois, enfie uma lança nele e o embalsame. Coloque-o em um túmulo sem ar por 36 horas e veja o que acontece. Atenciosamente, Uticus".

A resposta de Uticus leva a teoria do desmaio ao ridículo. Surpreendentemente, as pessoas ainda seguem essa teoria. Não porque é plausível. Não porque é lógica, mas porque nela podem sustentar suas dúvidas. A verdade é que Jesus Cristo ressuscitou!

Nenhum comentário:

Postar um comentário